Alcoolismo: 5 sinais para reconhecer a doença Alcoolismo

Todo mundo sabe que alcoolismo é uma doença. Apesar disso, muita gente, por mais que beba excessivamente, não admite que pode ser um alcoolista. Por isso, reunimos cinco critérios importantes na hora de reconhecer se uma pessoa sofre de alcoolismo.

1)      Tolerância

A pessoa fica muito tolerante ao álcool, precisando de cada vez mais doses para conseguir sentir os efeitos da bebida alcoólica.

2)      Importância

Beber torna-se muito importante na vida da pessoa, que deixa de fazer coisas que antes lhe agradavam para ficar consumindo álcool. As relações familiares, pessoais e profissionais ficam prejudicadas.

Alcoolismo é a principal causa de afastamento do trabalho por drogas.

3)      Dedicação

A pessoa perde muito tempo se dedicando ao álcool. Planeja o dia a dia em função da bebida.

4)      Não conseguir parar

Por mais que fale que vai parar ou vai beber menos, a pessoa não consegue controlar os impulsos e acaba bebendo muito.

5)      Síndrome de abstinência

O organismo está tão acostumado com o álcool que, quando fica um período sem, passa a apresentar sintomas como tremores, agitação, etc.

Como lidar com a Síndrome de Abstinência do Álcool?

 

Caso você tenha se identificado com os sinais de alcoolismo, vale ressaltar que é importante procurar um profissional da área de saúde para realizar o diagnóstico e, se preciso, começar o tratamento o mais breve possível.


Comecei a ingerir bebidas alcoólicas aos 14 anos de idade, me tornei alcoólatra e hoje estou em recuperação.

  • Li Santos

    Bom dia… me interessei nesse site porque passo por um momento delicado om meu filho. Ele tem 19 anos e hoje vejo meu filho como um alcolatra. Eu sempre converso com ele , mas não está resolvendo. Ele chegou num ponto que está faltando do serviço por causa de chegar em casa bebado. Hoje por exemplo ele chegou em casa 5:00hs da manhã.
    Tomei uma decisão, vou levar ele no caps e vou procurar ajuda, pois eu não estou sabendo agir e percebo que ele não cosegue se controlar. Não cumpre com o oque fala. Ele saiu ontem para ir em um aniversário, disse que voltaria cedo e nào ia beber, mas infelizmente chegou hoje e bebado.

    • Eudes Morais

      seu filho é igual a 80% dos adolescentes do mundo

      • Ira Oliveira

        Sim, mas a ajuda agora é importante, pois deste 80% muitos viram alcolatras e drogados. A senhora deve convence lo a procurar ajuda nao como doente inicialmente, pois os jovens sao complicados em aceitação, peguei uma jovem na como usaria da uber que me disse que tomar um porre de vez em quando é normal nao e alcolismo, mas ela nao bebe. Mas entendo que este costume dependendo de qtas vezes vira vicio. Peça i tervençao inicial da familia e de amigos e tente acompanha mais de perto como uma amiga.

      • Yara Nogueres

        Triste!

    • Ira Oliveira

      Sim, mas a ajuda agora é importante, pois deste 80% muitos viram alcolatras e drogados. A senhora deve convence lo a procurar ajuda nao como doente inicialmente, pois os jovens sao complicados em aceitação, peguei uma jovem na como usaria da uber que me disse que tomar um porre de vez em quando é normal nao e alcolismo, mas ela nao bebe. Mas entendo que este costume dependendo de qtas vezes vira vicio. Peça i tervençao inicial da familia e de amigos e tente acompanha mais de perto como uma amiga. Espero que tenha sucesso em sua luta.

  • Pingback: 4 mitos sobre o alcoolismo que você precisa conhecer | Alcoolismo()