Alta no consumo de bebidas alcoólicas

Em abril, a Organização Mundial da Saúde (OMS) pediu que os governos reduzissem a venda de bebidas alcoólicas durante a pandemia. Segundo a instituição internacional, o uso contínuo de álcool por pessoas em isolamento ou quarentena pode acarretar nas seguintes consequências:

  • Piora geral nas condições de saúde
  • Aumento nos comportamentos de risco
  • Problemas de saúde mental
  • Maior risco de violência, inclusive doméstica

A maior alta no consumo no Brasil foi vista, de acordo com o estudo, entre homens (18,4%) e entre pessoas com idade entre 30 e 39 anos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *