Principais mudanças no comportamento profissional de um dependente químico

A dependência química afeta uma pessoa de várias maneiras e, claro, a vida profissional não fica fora desta realidade. O site SaúdeExperts fez uma matéria sobre as principais mudanças no comportamento profissional de um dependente químico na área da saúde e adaptei para alguns hábitos comuns no trabalho. Veja a seguir:

Mudanças de personalidade/comportamento

  • Aumento de irritabilidade com os colegas, seguido de calma extrema;
  • Isolamento social;
  • Mudanças de humor exageradas e rápidas;
  • Mudança repentina nos cuidados com a aparência pessoal;
  • Esquecimentos frequentes;
  • Mudanças na aparecia física (perda de peso acentuada, olhos vermelhos ou dilatados, etc);
  • Fala arrastada;
  • Sudorese intensa;
  • Tremores;
  • Queimaduras de cigarro, entre outros.

Mudanças do desempenho no trabalho

  • Dificuldade para respeitar prazos e horários;
  • Erros frequentes que afetam o desempenho;
  • Executa a mínima quantidade de trabalho;
  • Apresenta erros de julgamento;
  • Dorme ou apresenta muito sono durante o trabalho.

Mudanças quanto à assiduidade e pontualidade

  • Faltas frequentes sem explicação ou notificação adequada, na maioria das vezes às segundas e sextas-feiras;
  • Intervalo prolongado para o almoço;
  • Excesso de atestados médicos e solicitações de saída antecipada por mal-estar;
  • Telefonemas frequentes solicitando compensação de horas;
  • Chegar muito cedo ou permanecer depois do trabalho sem razão conhecida;
  • Atrasos constantes;
  • Desaparecimentos frequentes do local de trabalho sem explicações.

É importante ressaltar que alguns fatores, como o tipo de droga, a frequência de uso e até o organismo do indivíduo, podem interferir na intensidade das mudanças no comportamento profissional de um dependente químico. Se algum colega de trabalho tiver problemas com drogas, o ideal é que ele tenha ajuda.

Tratamento do Alcoolismo

Programa intensivo de reabilitação

CLIQUE PODEMOS TE AJUDAR